BRUNO FREITAS E DANIEL PEGADO FAZEM DOBRADINHA EM PROVA PARA DUROS

10959405 997237220304206 5630304672415595731 nSob condições climatéricas muito difíceis (chuva, muito nevoeiro e temperatura que chegou a ser negativa), realizou-se na manhã deste domingo, no Parque Ecológico do Funchal, mais uma edição do “Duatlo BTT do Chão da Lagoa”, naquela que foi a prova com as condições mais exigentes de sempre. A juntar à dificuldade provocada pela altitude (disputada acima dos 1500 metros), e à irregularidade e exigência dos percursos de corrida e BTT, as baixas temperaturas registadas ao longo da prova, a chuva e o intenso nevoeiro, tornaram esta uma competição para os “bravos do pelotão”, colocando à prova não só as capacidades físicas dos atletas, como também a vertente psicológica, exigindo constante superação dos atletas, de forma a vencer todas as dificuldades adicionais que foram surgindo ao longo da prova.

Uma competição que certamente ficará na memória de todos os que a concluíram, mas que simultaneamente acabou por ter uma participação mais reduzida, pois implicou a anulação das provas jovens (iniciados, infantis e benjamins), naquela que foi uma decisão sensata da organização.

Bruno Freitas, vencedor da edição do ano passado, depois duma primeira corrida em ritmo controlado (chegou ao parque de transição na 3ª posição), rapidamente impôs um ritmo demolidor na fase inicial do segmento de BTT, mostrando que salvo algum problema mecânico, não iria permitir quaisquer hipóteses à concorrência. No final da primeira volta tinha já uma significativa vantagem, mostrando ser de longe o triatleta regional mais polivalente, capaz de ser competitivo em todas as vertentes da modalidade (Duatlo de estrada ou BTT, Triatlo, Aquatlo e Aquabike), em diferentes distâncias e em todas as condições. Depois da vantagem alcançada, o vice-campeão nacional de Triatlo Longo sub-23 limitou-se a gerir a distância em relação ao seu colega de equipa que seguia na 2ª posição.

Daniel Pegado, a realizar a sua 2ª prova nesta modalidade, fez valer os seus créditos de ciclista, e depois dum bom segmento inicial de corrida, veio a ultrapassar sucessivamente todos os adversários que lhe surgiram à frente (Sérgio Jesus, Miguel Gouveia, Vadim Parkhomchuck), chegando à segunda transição no 2º lugar, com vantagem suficiente para gerir a corrida final e alcançar a 2ª posição absoluta e vitória no escalão Vet.1.

Gonçalo Luís fechou a classificação absoluta da equipa, sendo 2º classificado entre os cadetes e 10º classificado da geral absoluta, com uma prova equilibrada e de bom nível.

Em grande destaque estiveram os juvenis Tiago Abreu e Pedro Prioste, demonstrando o seu à-vontade no BTT e ultrapassando muitos adversários ao longo das 3 voltas de ciclismo, prestação coroada com as 2ª e 3ª posições finais do escalão, respectivamente.

Pedro Pereira viria também a ser 2º classificado entre os juniores (e 14º da geral), enquanto nos Vet.1 Daniel Prioste seria 3º (15º da geral), e nos Vet.2 Marco Pereira e Fernando Teixeira viriam a ser 2º e 3º classificados (19º e 20º da geral absoluta, respectivamente). Frederico Antunes seria 24º absoluto (6º senior).

Nas senhoras, grande demonstração de espírito de sacrifício de Carla Neves, na sua segunda prova na modalidade, sem nunca virar a cara à luta imposta pelas condições climatéricas adversas, alcançou a vitória entre as seniores e o 3º lugar da geral absoluta.

Coletivamente, e apesar das muitas ausências (Carlos Nóbrega a competir no continente, Francisco Luís e Diogo Nóbrega a preparar as próximas participações nacionais, Aurélio Góis e Nuno Vieira, entre outros), o Ludens viria uma vez mais a ser o vencedor da competição masculina. Face às condições climatéricas verificadas, a cerimónia de entrega de prémios desta prova foi adiada para data a anunciar pela organização.

O Ludens Clube de Machico agradece a todos os atletas e colaboradores que, sob condições muito difíceis, dignificaram uma vez mais o nome e a imagem do clube.

A próxima competição regional terá lugar na piscina da Penteada, no dia 21 de Fevereiro, com a realização do “Aquatlo do Andorinha”, destinado aos escalões de benjamins, infantis, iniciados e juvenis.

Link para a notícia: http://triatlomadeira.com/2015/02/0o-centigrados-no-v-duatlo-btt-do-funchal-2015/

Fotos Aurélio Góis: https://www.facebook.com/media/set/?set=a.997231836971411.1073741911.786890171338913&type=1

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin