Ludens faz o pleno em casa

alt

A equipa de Triatlo do Ludens Clube de Machico/J.Roxo Alumínios participou no passado domingo na 2ª edição do “Triatlo Olímpico da Cidade de Machico”, que incluiu ainda a distancia super-sprint e o Triatlo Jovem para os escalões mais novos.

Na prova principal, a equipa do Ludens fez repetiu o que já havia acontecido esta época no Duatlo do Funchal, no Triatlo do Porto Moniz e no Aquabike do Paúl do Mar, vencendo todas as classificações em disputa: a masculina, a feminina e a colectiva de clubes.

Nos masculinos, o trio de atletas do Ludens composto por Carlos Nóbrega, Bruno Freitas e João Viveiros dominaram por completo os 2 primeiros segmentos da prova. Bruno Freitas sairia isolado na água, mas optaria por aguardar pelos companheiros de equipa durante o segmento de ciclismo, estratégia que se revelou acertada, pois o trio conseguiu impor um andamento que beneficiou bastante os tempos finais obtidos. Na corrida final, Carlos Nóbrega impôs a sua superioridade, vencendo a prova em 2h04m21s, novo recorde pessoal na distância. 

Bruno Freitas seria 2º classificado e vencedor júnior. Aurélio Góis conseguiu outra das grandes prestações do dia, com uma prova muito conseguida, coroada com um 5º lugar absoluto, 3º senior e um vistoso tempo final de 2h13m38s. António Viveiros seria 6º, com Paulo Freitas na posição imediata, fechando o grupo de 5 atletas do Ludens que alcançou o top-7 da prova. Miguel Franco também alcançaria novo recorde pessoal na distância, sendo 11º da geral, e Élio Costa viria a ser 21º na sua estreia absoluta na distância olímpica.

Outra grande prestação seria a de Marília Aveiro, também estreante na distância de 1500 metros de natação, 40 Km de ciclismo e 10 mil metros de corrida. Com um segmento de ciclismo de muita qualidade, terminou com o excelente tempo final de 2h25m50s, retirando 10 minutos ao melhor tempo feminino de sempre duma atleta regional num triatlo olímpico. Por equipas, o Ludens seria o vencedor.

Apesar da boa organização da prova, nota negativa para as distâncias muito mal medidas do segmento de natação (inferiores ao anunciado), bem como para o total incumprimento da regra de drafting dos atletas que não se encontravam na mesma volta do trio que atletas do Ludens que liderava a prova, levando a que muitos atletas tivessem beneficiado significativamente deste factor para os tempos finais obtidos, sem qualquer intervenção da equipa de arbitragem da prova.

Na distância super-sprint, destinada aos atletas juvenis, cadetes e a outros licenciados que não realizavam a prova principal, novas vitórias do Ludens, com Diogo Nóbrega (juvenil) e Marisa Alves (junior). Vera Mata seria 3ª classificada nos femininos e António Pereira 1º nos seniores masculinos. Nos juvenis, Bernardo Freitas seria 4º, Filipe Oliveira 5º e Pedro Pereira 9º.

Nas provas jovens, os benjamins Nilton Freitas e João Marote voltariam a mostrar-se os mais rápidos, alcançando as posições cimeiras do pódio. Madalena Castro seria 2ª classificada, Luísa Catanho 3ª, Leonor Catanho 4ª, Oriana Furtado 5ª, Mariana Góis 7ª e Francisca Caroto 15ª. Nos infantis, Afonso Gouveia e Inês Pereira confirmaram a evolução que têm vindo a demonstrar, alcançando ambos a 5ª posição dos respectivos sexos. Nos iniciados, vitória para Lisandra Alves e 6º lugar para Humberto Marote. Colectivamente, o Ludens seria o 3º classificado do Triatlo Jovem. No total,  equipa do Ludens Clube de Machico/J.Roxo Alumínios  participou neste evento com 27 atletas, alcançando vitórias em 10 classificações de diferentes escalões nas várias provas disputadas.

Dentro de 2 semanas realiza-se o Triatlo Super Sprint de Ponta Delgada, no concelho de São Vicente. 

Resultados: (clique aqui)

 

Fotos: (clique aqui)

 

Video Oficial:(clique aqui

 

Video Ivan Roxo: (clique aqui)

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin